Zózimo: Cabelos em pé

Não se sabe exatamente a origem – embora se possa suspeitar dos objetivos –, mas está circulando em alguns gabinetes de Brasília uma falsa versão do “Plano Sayad”— o documento com propostas de combate à inflação e estímulo ao crescimento econômico que o ministro do Planejamento, João Sayad, levou dias atrás ao presidente José Sarney.

Muito pouca gente teve acesso ao verdadeiro “Plano Sayad”.

Quem teve, ficou surpreendido com o vigor do ataque que o ministro propõe ao dragão do déficit público, que vem incendiando, com suas labaredas, os índices de inflação.

Entre outras medidas draconianas para aferroar o monstro, Sayad, que como se sabe é careca, está propondo duas que vão fazer subir os cabelos do PMDB: a elevação das tarifas das empresas estatais que vendem produtos ou serviços até o nível necessário para que elas saiam do buraco, e o fim, puro e simples, de virtualmente todos os subsídios.

O do trigo, como se sabe, já foi para a marca de pênalti.

 

(Nota publicada no Jornal do Brasil.)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

10 − oito =