Zózimo: De fora

Encrenca brava no mais importante programa de entrevistas da televisão de São Paulo: o jornalista Augusto Nunes deixou o comando do Roda Viva, da TV Cultura, e saiu atirando.

A gota d’água foi a decisão dos diretores do programa de convidar para a entrevista que foi ao ar na última segunda-feira Otávio Frias Filho, diretor de redação da Folha de S. Paulo, maior concorrente do jornal do qual o próprio Nunes é o diretor de redação, O Estado de S. Paulo, sem o conhecimento do apresentador.

Augusto Nunes estava em Florianópolis em missão profissional quando o diretor do Roda Viva, Roberto de Oliveira, e o diretor de jornalismo da Cultura, Valdir Zvetsch, comunicaram que Frias Filho seria o entrevistado. “Para evitar algum constrangimento”, propuseram os dois, Nunes poderia deixar de fazer o programa de segunda-feira retornando a seu comando na semana seguinte.

Nunes, que já tinha divergências com a emissora, demitiu-se no ato e, perguntado se a decisão era irreversível, respondeu:

— Bota irreversível nisso.

 

(Nota publicada no Jornal do Brasil.)

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 × 3 =