Zózimo: Preferência

O jornalista e compositor Nelsinho Motta contou em São Paulo que no recente assalto a sua casa no Rio o assaltante, embora o tivesse reconhecido, foi em frente sem constrangimentos, só que passou a interessar-se também por determinados bens culturais.

Depois de arrecadar dinheiro, dólares e objetos pessoais, o assaltante encontrou um toca-discos laser portátil e imediatamente começou a remexer coleção de compact-discs de Nelsinho, levando 10 dos 60 existentes.

Desprezando discos de Maria Callas, por exemplo, ele concentrou-se em música brasileira e americana e, terminada a vistoria e escolhidos os discos, perguntou:

— Não tem nenhum do Phil Collins?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

15 − um =