Zózimo: Rabo preso

O deputado Delfim Netto (PDS-SP), cada vez mais deliciado por ter-se transformado de vidraça em estilingue, sobre a postura do PMDB e do PFL diante do governo Sarney:

— Depois de desfrutarem do poder, querem se dissociar do governo numa espécie de autonomia vergonhosa. Deixaram para trás o rabo preso na administração, mas ficam gritando na rua: “Esse rabo não é meu!”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

18 − oito =